Triptofano para dormir vale a pena? Conheça riscos e benefícios

Triptofano para dormir vale a pena? Conheça riscos e benefícios

Tomar triptofano para dormir é uma possível solução para quem tem dificuldade em pegar no sono ou sofre de insônia.

E não são poucos os brasileiros nessa situação.

Segundo uma pesquisa da Associação Brasileira do Sono (Absono), publicada no Jornal da USP, em média, estamos dormindo cada vez menos.

Se você faz parte desse grupo ou conhece alguém que precisa dormir melhor, leia o artigo abaixo e confira quais são os benefícios e as contraindicações do triptofano para o sono.

O que quer dizer tomar triptofano para dormir?

A falta de sono é um problema crescente, como apontam as pesquisas, e a busca por alternativas contra a insônia também aumenta.

Considerando os efeitos nocivos no longo prazo dos medicamentos convencionais para dormir, resta procurar substâncias alternativas para tentar melhorar a qualidade do sono sem fazer mal ao restante do organismo.

Nesse contexto, surge o triptofano, que embora não tenha nenhuma propriedade sedativa, pode ajudar a fazer as pazes com o travesseiro.

Sendo um composto pouco conhecido e normalmente usado para outros fins, é natural que boa parte das pessoas não saiba quais são seus efeitos, especificamente em relação ao sono.

É isso que vamos esclarecer a seguir.

Confira!

Triptofano é bom para dormir mesmo?

O sono é regulado pelo ciclo circadiano, o nosso relógio biológico.

O ritmo desse ciclo depende de uma série de reações orgânicas, muitas das quais são desencadeadas por hormônios. 

É o que acontece na hora de dormir, quando somos induzidos ao sono pelo hormônio conhecido como melatonina.

Só que, como diria o filósofo grego Parmênides, “nada vem do nada”.

Para ser produzida, a melatonina precisa de uma série de substratos.

É aqui que entra o triptofano, um aminoácido essencial e que costuma ser obtido por meio da alimentação.

Por ser a substância precursora da melatonina, acredita-se que, ao ingerir triptofano, podemos estimular a produção dela.

Quais os benefícios do triptofano?

O triptofano é também a “matéria-prima” para a produção da serotonina, o hormônio do prazer.

Dessa forma, uma dieta pobre em fontes de triptofano pode levar a um quadro de deficiência dessas substâncias, potencializando o risco de doenças e de insônia.

A partir dessa premissa, pesquisadores da Universidade de Frankfurt realizaram um estudo (em inglês) para saber se a ingestão de triptofano realmente ajuda a dormir melhor.

Ao final de um mês, os indivíduos testados apresentaram uma significativa melhora no padrão de sono.

Curiosamente, depois dos testes, quase 50% das pessoas voltaram a ter problemas para dormir.

Quais os efeitos colaterais do triptofano?

É importante ressaltar que, embora possa ajudar a dormir melhor, o triptofano não é um “santo remédio”.

Como toda substância ingerida com fins terapêuticos, uma eventual dosagem excessiva pode desencadear reações adversas.

Alguns dos possíveis efeitos negativos são:

  • Aumento do ritmo cardíaco
  • Boca seca
  • Desfocagem visual
  • Diarreia
  • Dor de cabeça
  • Dor no estômago
  • Fraqueza muscular
  • Gases
  • Náusea
  • Perda de apetite
  • Problemas sexuais
  • Sonolência
  • Tonturas
  • Vômito.

Portanto, caso você esteja curioso para experimentar, é melhor evitar a ingestão por conta própria.

A dica é consultar um médico nutrólogo ou nutricionista antes de um possível tratamento contra a insônia à base de triptofano.

É importante ouvir um profissional capaz de prescrever o triptofano na dosagem adequada, considerando seu histórico médico, idade e outras características individuais.

Onde encontrar triptofano para dormir

Outro ponto que cabe destacar é que, no Brasil, o triptofano não é considerado um medicamento, mas um suplemento alimentar.

Assim, existem duas formas de garantir a ingestão dessa substância: uma pela dieta, incluindo nas refeições alimentos ricos nesse aminoácido.

A outra é pela suplementação, em que a pessoa toma diariamente o triptofano, vendido na forma de cápsulas.

Confira na sequência onde encontrá-lo em cada um dos formatos.

Suplemento

A suplementação pode ser indicada por um profissional quando a dieta é pobre em triptofano ou a pessoa tem dificuldade em fazer refeições com alimentos que contenham essa substância.

Para isso, basta procurar em uma farmácia ou supermercado um suplemento contendo triptofano.

Em geral, ele é vendido em embalagens contendo de 30 a 120 cápsulas.

Fontes naturais

Se você prefere a via natural, então não deixe de incluir na sua dieta os seguintes alimentos, considerados boas fontes de triptofano:

  • Banana
  • Chocolate
  • Grão de bico
  • Laticínios
  • Mel
  • Peixes.

Maxflex é sua parceira para dormir bem

Triptofano para dormir pode até ser uma boa em alguns casos, mas sem um colchão de qualidade é impossível ter um sono reparador.

Os da Maxflex são fabricados em seis tamanhos padrão para garantir máximo conforto e ajuste ao seu corpo.Encontre seu colchão ideal com a Maxflex e volte a dormir bem, do jeito que você merece!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.