Entenda como dormir 5 horas por dia faz mal

Entenda como dormir 5 horas por dia faz mal

Você está de olho naquela promoção e pensa em reduzir as horas de sono para aumentar a sua produtividade? Talvez seja uma boa ideia repensar essa estratégia.De acordo com especialistas, a imagem do executivo bem sucedido que tem uma performance no trabalho acima da média às custas de menos tempo de descanso está bem longe da realidade. Sim, dormir 5 horas por dia faz mal, tanto à sua saúde quanto à sua carreira, e pode deixar você cada vez mais distante dos seus objetivos profissionais. Entenda melhor!Afinal, é verdade que pessoas bem sucedidas dormem pouco?Embora não seja difícil encontrar quem conte com um certo orgulho que tem dormido pouco devido às responsabilidades do trabalho, um levantamento publicado pela revista norte-americana Forbes, que mapeou o padrão de sono de 21 personalidades de diversas áreas, mostrou que essas variáveis não estão relacionadas.

O magnata Bill Gates, fundador da Microsoft, por exemplo, não abriu mão de 7 horas de sono diárias para construir o seu império. Um de seus principais rivais no ramo, o CEO da Apple, Tim Cook, parece concordar com ele, e também procura dormir 7 horas todas as noites.

Já o ex-presidente norte-americano Barack Obama, mesmo durante o período em que carregava todas as responsabilidades de estar à frente de uma das nações mais poderosas do mundo, sempre reconheceu a importância do sono para um dia a dia criativo e dedicava 6 horas diárias ao descanso. Mesmo tempo que Elon Musk, o multimilionário CEO da Tesla Motors.

A lista divulgada pela Forbes conta ainda com nomes como a comediante Ellen DeGeneres (8 horas  de sono diárias) e Jeff Bezos, CEO da Amazon (7 horas). Ao que parece, longe de ser perda de tempo, dormir bem pode fazer toda a diferença na sua performance profissional.

Por que dormir 5 horas por dia faz mal?

Quando você dorme pouco, o primeiro a sofrer é o seu cérebro. As noites mal dormidas:

  • Diminuem sua capacidade de concentração;
  • Diminuem reflexos e velocidade de reação;
  • Aumentam a irritabilidade;
  • Podem afetar sua capacidade de interpretar textos e analisar situações simples.

O que pouca gente sabe é que isso acontece mesmo entre quem aqueles que afirmam não ter problemas em dormir poucas horas por noite.

De acordo com um estudo conduzido pela Universidade da Califórnia, passar 10 dias dormindo 6 horas por noite causa o mesmo efeito na cognição do que uma noite inteira acordado. Já passar uma noite em claro pode deixar você com o desempenho cognitivo similar a de uma pessoa alcoolizada.

Para chegar a essa conclusão, a pesquisa dividiu voluntários em 4 grupos, que dormiram 8, 6 e 4 horas por noite respectivamente, enquanto o último grupo chegou a passar até 3 noites sem dormir.

Um dos dados mais curiosos do estudo é que, além do óbvio declínio das habilidades dos grupos que dormiram menos, os voluntários que dormiram 6 horas afirmaram ter tido um “ótimo desempenho” nos testes realizados pelos pesquisadores, embora os resultados não tenham sido tão satisfatórios. Em palavras simples, você pode achar que está produzindo mais, mas pode estar produzindo mal sem nem mesmo perceber.

Além da diminuição da sua produtividade, dormir 5 horas por dia faz mal também ao seu coração. Segundo pesquisadores da Universidade de Bonn, na Alemanha, mesmo privações de sono de curto prazo podem aumentar a pressão sanguínea e a taxa de hormônios como o cortisol, favorecendo o desenvolvimento de problemas cardiovasculares.

Em resumo, o tempo extra que você “ganha” dormindo menos não se traduz nem em maior produtividade, nem em benefícios para a sua saúde. Já uma noite de sono tranquila melhora seu humor, contribui para a manutenção da sua memória e diminui os riscos de desenvolver doenças como depressão e obesidade. Excelentes motivos para não abrir mão do descanso, não é mesmo?

Gostou de entender melhor como dormir 5 horas por dia faz mal à sua saúde? Se você quer mais dicas de como ter noites de sono tranquilas, acesse agora mesmo  o blog da Maxflex!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.