Causas da insônia: entenda como ela pode afetar sua qualidade de vida

Causas da insônia: entenda como ela pode afetar sua qualidade de vida

A insônia é um dos distúrbios do sono que mais acometem a população mundial. Para se ter uma ideia, em torno de 35% das pessoas sofrem com esse mal. A insônia se caracteriza pela dificuldade em pegar no sono, assim como a tendência a despertar ao longo da noite. Esse período mal dormido gera diversas consequências para a saúde do corpo e da mente. Assim, torna-se fundamental buscar algum tratamento para que ela não se torne crônica e, assim, prejudique na qualidade e na disposição ao longo do dia. Abaixo, destacamos as causas da insônia, bem como seus sintomas e alternativas para superar o problema. Acompanhe!  

Causas da insônia

A insônia possui diversas causas, desde fatores ambientais a hábitos e problemas neurológicos. A combinação desses fatores pode fazer a pessoa ter dificuldade para dormir em dias específicos ou então perdurar por vários meses. As principais causas de insônia são:

  • Ambientes muito claros ou barulhentos;
  • Depressão, ansiedade e estresse;
  • Alterações hormonais;
  • Longa jornada de trabalho;
  • Síndrome das pernas inquietas;
  • Apneia do sono;
  • Situações traumáticas;
  • Consumo de cafeína, nicotina ou álcool;
  • Colchão ou travesseiro desconfortável.

Quais são os principais sintomas da insônia?

Para saber se você realmente tem insônia, fique atento a sintomas como dificuldade em pegar no sono, em permanecer dormindo ou despertar muito cedo. Além disso, a sensação de que não descansou e relaxou o suficiente quando acorda é outro grande indício de que você possui este distúrbio do sono. As consequências da insônia, porém, vão além da sonolência. Como dormir é fundamental para repor as energias e recompor o organismo como um todo, uma noite mal dormida pode acarretar em diversos prejuízos e afetar na qualidade de vida.  Quando ela persiste por períodos maiores, inclusive, pode levar a enfermidades a longo prazo, como diabetes e hipertensão. Os principais efeitos da insônia a curto prazo são:

  • Cansaço e sonolência ao longo do dia;
  • Dificuldade de concentração e atenção;
  • Comprometimento no equilíbrio e memória;
  • Estresse e irritabilidade;
  • Enxaqueca ou dores musculares;
  • Redução da produtividade;
  • Diminuição da libido;
  • Aumento no peso;
  • Problemas de pele.

Como tratar a insônia

O tratamento da insônia varia conforme a sua intensidade, ou seja, se ela é passageira ou persistente, e as suas causas. Quando ela ocorre de forma aleatória, é importante corrigir os fatores ou comportamentos que prejudicam na qualidade do sono. Assim, as sugestões de como tratar a insônia são:

  1. Melhorar as condições ambientais de som e luz;
  2. Cuidados em relação à superfície na qual você dorme;
  3. Dosar os excessos de trabalho ou estudo;
  4. Evitar alimentos pesados e bebidas estimulantes;
  5. Buscar por ajuda médica.

Já em casos de insônia aguda ou crônica, nos quais as mudanças de hábitos podem não ser suficientes, o médico pode indicar o uso de medicamentos que auxiliam você a pegar no sono. Nas causas da insônia relacionadas a distúrbios psicológicos ou psiquiátricos, deve-se realizar o diagnóstico mais preciso das doenças e, assim, seguir a terapia mais adequada. — Agora que você já sabe os sintomas e as causas da insônia, fique atento às alterações na qualidade do seu sono e, se necessário, busque auxílio profissional. Quer ficar por dentro de tudo para melhorar o seu sono? Leia mais artigos no nosso blog! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.